Jornal O Serigráfico

*Wilson Giglio
www.wilsongiglio.com.br

Parte 1 – Pessoa Física

Tenho recebido várias solicitações de mentoria com fornecimento de dicas ou orientações de pessoas (físicas e jurídicas) que não querem participar desta crise pois, como eu disse no início de 2015, os próximos 4 ou 5 anos serão de muitas dificuldades para todos nós, principalmente empresas e profissionais que não começaram (ainda dá tempo) a se preparar para enfrentar todas as adversidades que estão por vir, que não serão poucas. A partir disto, elaborarei uma lista que tem a intenção de ajudar a todos, ok?

PESSOA FÍSICA

1) Evite utilizar cheque especial ou cartão de crédito (utilize apenas em casos de extrema urgência). Se for o caso faça um empréstimo e liquide todas estas dívidas e não use mais. Aproveite o 13º para saldar os compromissos ou guardar para as despesas de janeiro e fevereiro que, você sabe, não são poucas.
2) Não gaste mais do que ganha (nunca! Corte despesas extras e supérfluas, evite comprar mais do que precisa, elimine todas as despesas possíveis), seja disciplinado nesta parte.
3) Invista em você mesmo, leia muito, estude o que deseja (procure na internet, tem muita coisa gratuita que pode fazer), assista vídeos (tem um monte no youtube) interessantes para você e sua atividade, se for o caso faça cursos EAD (são mais baratos) e desenvolva-se profissionalmente o máximo possível.
4) Estude outros idiomas (inglês, espanhol, mandarim, etc.) Você vai encontrar farto material (também gratuito) em vários sites e vídeos na internet, basta procurar. Tenho certeza que isso será bom para o seu CV, qualquer quer seja a sua profissão.
5) Se você pretende abrir um negócio próprio o primeiro passo é ter todo o capital de giro necessário para isso. Faça um planejamento financeiro e levante todos os dados de quanto você vai gastar no primeiro ano com: imóvel (reforma ou aluguel), instalações, móveis e utensílios, equipamentos, colaboradores (e encargos sociais), despesas operacionais (aluguel, água, luz, internet, contador, material de escritório, de limpeza e outros). Procure não se esquecer de nenhum item, principalmente estoque inicial para a sua produção ou mercadorias para revenda (de uns 3 meses é o suficiente). Quando conseguir ter este valor total, destes primeiros 12 meses, acrescente mais 50% para eventuais problemas que podem surgir no caminho. Pronto. O resultado será o valor que deverá ter em mãos, disponível, para o início do seu projeto. Garanto que, desta forma, você terá maiores chances de dar certo.
6) Se você quer, realmente, ter o seu negócio próprio, além do capital de giro procure conhecimento. Para ser um empresário empreendedor é necessário que conheça o básico de: administração, organização, custos, formação do preço de venda, recursos humanos, contabilidade, análise de balanço, processos internos, controles internos, fluxo de caixa e outros. Neste caso, se desejar, entre em contato que te indico um curso que criei especialmente para você.
7) Se tiver família, converse com a turma toda e explique que agora é hora de apertar os cintos, não tenha receio de fazer isso, todos vão entender a situação. Mesmo que se sinta confortável hoje terá que pensar no amanhã. Não, não é pessimismo, é realidade. Nem sempre imaginamos o dia de amanhã, este é totalmente imprevisível, ninguém sabe e pode, infelizmente, trazer surpresas desagradáveis e devemos estar preparados para isso.
8) Se for possível, guarde 10 ou 20 ou 30% do que ganha em uma poupança, ou aplique em Renda Fixa. Quanto mais guardar para o seu futuro (e da sua família) melhor será para todos. Sei que não é fácil, mas se você tiver esta disciplina e comprometimento com o bem-estar de todos, tenho certeza que vai conseguir.
9) Caso queira uma planilha de gerenciamento financeiro pessoal para 2016, que vai te ajudar a controlar todas as suas finanças visite: http://mentordenegocios.com.br e faça o download da mesma. E se você tiver o sonho de ser empresário faça uma análise do seu perfil empreendedor. Baixe uma planilha de análise do seu perfil em: http://minutodoempreendedor.net.br analise e melhore os seus pontos fracos.
10) E se você deseja, no decorrer do tempo, escolher uma nova profissão, tal como a minha, por exemplo, procure capacitar-se, entre em contato comigo que te indicarei um curso especial para te ajudar, nele eu compartilho meus vinte e cinco anos de experiência para te formar um consultor em gestão empresarial e outras atividades correlatas e você pode, para ter uma ideia, ver alguns vídeos em roteiro de estudos diretamente no site consultordesucesso.pro.br, fique à vontade.

*Wilson Giglio – Organizador de Empresas e de Pessoas, Consultor em Gestão Empresarial, Especialista em empresas de Comunicação Visual, Cursos EAD exclusivos: www.parceirodosempresarios.com.br

Comente: